investigações encarnadas: workshops/encontros de performance-pedagogia radical (ONGOING, LISBOA)

FLYER_grupoINVESTIGACAO_COLOR2.jpg

As ‘investigações encarnadas’: encontros de performance-pedagogia radical são  um processo facilitado por Dani d’Emilia no Roundabout.lx (Lisboa)

Os encontros se dão no formato de workshops intensivos nos quais trabalhamos a partir do corpo como receptor e produtor de discursos e práticas politico-afectivas. Partindo da consciência de que nossas experiências pessoais são também resultado de condicionamentos sociais, senti-pensamos a performance/art como uma pedagogia radical de (des)aprendizagem (auto-reflexiva e colectiva), que nos ajuda a identificar, interromper e subverter normas reguladoras impostas às nossas corpo-subjectividades por distintas estruturas de poder.

Usando o potencial da performance / arte-ação como um ‘modo de encontro encarnado’, as dinâmicas propostas combinam a performance-pedagogia (a prática da performance como um processo pedagógico de des-aprendizagem), o transfeminismo (feminismo com visão não binária e interseccional da realidade, construído a partir da análise transversal de opressões corporais, raciais, económicas, sexuais, de género, etc), abordagens decoloniais (interrogando legados corporais coloniais) e a ternura radical (um modo de resistência político-poética). Através dessa mistura, investigamos formas de construir e nutrir comunidades a partir de alianças político-afetivas que tomam em conta – mas tentam não reproduzir – diferentes formas de violência inerentes à nossa construção como sujeitos políticos. Trabalhando a partir do corpo, buscamos intensificar a capacidade de perceber / conhecer através múltiplos sentidos, habitando contradições, paradoxos, incoerências e vulnerabilidades que surgem na tentativa de desfazer fronteiras entre noções como identidade e alteridade, individualidade e coletividade, conflito e confiança.

No momento os encontros tem se dado à volta de dois eixos interdependentes de investigação:   práticas de des-identificação, metodologia desenvolvida em conversa com Vanessa Andreotti/Coletivo Gesturing Towards Decolonial Futures & práticas de des-imunização, processo colaborativo com Fernanda Eugenio/Coletivo ANDlab.

Os encontros de investigções encarnadas estão abertos tanto a pessoas que tenham interesse em processos de criação artística (e/ou ações artivistas) quanto às que desejem aprofundar-se numa exploração do corpo como canal de auto-conhecimento e potencial de intervenção no mundo de outras formas.

“Atualmente um dos grandes desafios/interesses que tem me movido nessa investigação é o paradoxo entre a importância e as limitações de nos pensarmos no – e relacionarmos com o – mundo a partir dos nossos diferentes atravessamentos identitários. Neste sentido, meu convite nestes encontros é de que tentemos gerar um espaço radicalmente terno no qual possamos compartilhar-nos a partir das complexidades que nos atravessam, tendo em conta que para tomarmos diferentes riscos juntes é necessário que risco e cuidado cresçam na mesma medida.”

As datas dos encontros são definidas de acordo com desejos e disponibilidades. Se tens interesse em participar e/ou gostarias de saber mais a respeito, podes me escrever por email: danidemilia@gmail.com

 

 

This slideshow requires JavaScript.

Fotos: Valentina Vargas
SOBRE DANI d’EMILIA

Dani d’Emilia é artista e educadora transfeminista. Nasceu na Itália e cresceu no Brasil. Desde 2001 trabalha internacionalmente em projectos de performance, artes visuais, teatro e pedagogia radical. É co-fundadorx da companhia de teatro imersivo Living Structures (Reino Unido) e do espaço artístico Roundabout.lx (Lisboa, PT). Dani foi membro do colectivo de performance transnacional La Pocha Nostra (MX / US) entre 2011-2016 e do dueto transfeminista Proyecto Inmiscuir (ES / MX) entre 2015-17. Actualmente também trabalha como pesquisadorx da Fundação Musagetes (CA), investigando possibilidades de educação decolonial através de práticas artísticas e críticas como parte dos programas Gorca Earthcare (Eslovênia), Free Home University (Itália), Gesturing Towards Decolonial Futures (Universidade de British Columbia, Canadá) e outros contextos de investigação encarnada.

Sua formação inclui: MA – Literatura Comparada y Estudios Culturales, Universidad Autonoma de Barcelona (Espanha, 2016); MA – Programa de Estudos Independentes dirigido por Paul B. Preciado, Museo de Arte Contemporanea de Barcelona (Espanha, 2015); BA – Devised Theatre and Visual Arts Practices, Dartington College of Arts (Reino Unido, 2007); Diploma em Mime & Physical Theatre, Desmond Jones School (Reino Unido, 2003); e diversos outros treinamentos com artistas e educadorxs independentes em teatro, performance, live art, artes visuais, pedagogia radical e outras praticas corporais.

SOBRE O ROUNDABOUT

Roundabout LX é um espaço experimental de arte no bairro dos Anjos, Lisboa (LX). O espaço funciona como um atelier, um ponto de conexão social e criativo para um grupo internacional de artistas. Roundabout.lx é um lugar para desenvolvimento artístico pessoal em conexão e intercâmbio com a nossa comunidade local e internacional. Além de usarmos o espaço para o desenvolvimento de nossas próprias práticas criativas, ocasionalmente facilitamos workshops, residências, exposições e outros eventos culturais.

2 responses to “investigações encarnadas: workshops/encontros de performance-pedagogia radical (ONGOING, LISBOA)

  1. Pingback: Próximo encontro de ‘investigaçoes encarnadas’: LISBOA 10 Junho, 10-6pm | Dani d'Emilia·

  2. Pingback: Workshop: Práticas de Des-Imunização (15-16 Set, 14-19h, Roundabout.Lx). Com Dani d’Emilia & Fernanda Eugenio | Dani d'Emilia·

Comments are closed.